Por Redação em 18/11/2020

A África do Sul está em uma “posição extraordinária” para exportar hidrogênio verde para outros países. A avaliação é de relatório da consultoria PwC segundo o qual a exploração de energias renováveis pode revolucionar a economia do país.

O documento lembra que avanço da energia renovável, junto com a queda nos custos das fontes solar e eólica, aumenta a oportunidade de produção de hidrogênio verde. O combustível é visto como um fator-chave para que se tenha uma economia neutra em carbono.

Contudo, segundo o Escritório de Eficiência Energética e Energia Renovável, 95% de todo o hidrogênio produzido vêm do gás natural. Isso acontece porque os preços tanto da energia renovável quanto dos equipamentos para a produção do hidrogênio verde ainda são, em alguns casos, mais altos.

Hidrogênio deve ser parte da recuperação econômica da África do Sul

O potencial da África do Sul para produção de hidrogênio verde se deve ao fato de o país ser um dos líderes mundiais em recursos eólicos e solares. Para a PwC, alavancar  estes recursos é um dos passos para se tornar exportador. Mas, para isso, é preciso combinar esses recursos com um ambiente regulatório “fértil”. Além disso, segundo a consultoria, o país poderá usar o hidrogênio verde também para retirar o carbono de grandes setores de sua economia.

“Como parte do plano de recuperação econômica da África do Sul, o país precisa desenvolver novas indústrias competitivas nos mercados globais. O hidrogênio cumpre este papel e (o faz) de uma maneira complementar a outras iniciativas e setores”, diz James Mackay, diretor associado da PwC na África do Sul.

Importância da regulação

Contudo, as oportunidades com o hidrogênio dependem de investimentos em geração de energia renovável e de uma estratégia clara para o hidrogênio verde, segundo Andries Rossouw, da área de Utitilities e Recursos de Energia da PwC Africa.

Já Mackay ressaltou a importância da regulação para que o país possa capitalizar com sucesso o hidrogênio verde.
“Uma política coerente do governo será necessária para dar apoio ao ritmo do desenvolvimento do hidrogênio e incentivar corretamente a mudança em direção ao hidrogênio totalmente verde”, disse.