Por Redação em 18/11/2020

A ENGIE realiza de 1º a 3 de dezembro de 2020 a Maratona PLD Horário. O evento gratuito discutirá as implicações do novo modelo de precificação da energia no mercado de curto prazo que passará a ser em base horária a partir de 1° de janeiro de 2021. Essa mudança trará oportunidades e desafios para consumidores, comercializadoras e geradoras de energia, que serão debatidos por especialistas do setor.

Cada dia do evento abordará um aspecto do PLD Horário. No primeiro dia, as discussões serão voltadas aos aspectos regulatórios, o que muda no mercado e aos impactos comerciais provocados pelo novo modelo de precificação. O segundo dia trará uma mesa redonda sobre soluções de resposta à demanda. No terceiro dia, é a vez de conversar sobre os novos produtos e oportunidades advindos do novo modelo de precificação.  O evento acontecerá das 9h às 11h nos três dias.

O que muda no PLD a partir de janeiro

O preço da energia no mercado de curto prazo – usado como referência para liquidação das sobras e déficits contratuais – passará a ser calculado diariamente, para cada hora do dia seguinte, e não mais por um preço por patamar para a semana operativa seguinte. Ao aproximar o valor do PLD do custo real da operação ao longo do dia, essa nova metodologia trará uma dinâmica diferente ao setor, pois permitirá revelar com maior precisão os reais benefícios de cada fonte de energia, bem como os reais custos de atendimento de diferentes segmentos de consumo, incentivando novos produtos e soluções.

O preço em base horária, ou menor, é a realidade em diversos países há muito tempo e representa um pilar fundamental no desenho do mercado de energia. “A adoção do preço horário é um passo fundamental no caminho para modernização do setor elétrico brasileiro.”, afirma o diretor Regulatório da ENGIE, Marcos Keller.

Dentre outras coisas, o PLD Horário também vai aprimorar as condições comerciais para soluções em armazenamento de energia, além de alavancar novos serviços de consultoria em gestão de energia. A digitalização também é um elemento importante, e, em última instância, até mesmo projetos de Internet das Coisas e Big Data poderão ser impulsionado no setor.

O evento será uma importante oportunidade para consumidores empresariais de energia terem contato com as diversas implicações do novo preço horário.

Veja a programação completa da Maratona PLD Horário

Aspectos regulatórios e o que muda no mercado

01/12 (terça-feira)

Talita Porto 

Vice-Presidente do Conselho de Administração da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE)

Gabriel Aurélio Oliveira

Coordenador de Preço e Gestão de Risco da ENGIE

Alexandre Becker

Coordenador de Projetos e Mercado de Soluções da ENGIE  

***

Soluções para atendimento da demanda

02/12 (quarta-feira)

Fillipe Soares

Diretor Técnico da Associação Brasileira de Grandes Consumidores Industriais de Energia e de Consumidores Livres (ABRACE)  

Matheus Amorim

Diretor Comercial de Soluções da ENGIE

Emílio Lacerda

Executivo Comercial de Segmentos e Clientes Estratégicos  de Soluções da ENGIE

***

Mercado de energia: produtos e impactos para geradores e comercializadores

03/12 (quinta-feira)

Alexandre Lopes

Vice-presidente de Estratégia e Comunicação da Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel)

Antonio Previtali Jr.

Gerente de Comercialização de Energia da ENGIE

 Maury Garret

Gerente de Inteligência de Mercado e Marketing de Energia da ENGIE 

 Lívia Godoy

Especialista de Inteligência de Mercado e Marketing de Energia da ENGIE